sábado, 23 de fevereiro de 2008

Último dia de férias...

Pois é, hoje de manhã fui aproveitar o último dia de férias/pausa para exames (ou seja férias Rolling Eyes Twisted Evil ) lá fui mandar uns lances até ao Mar

Chegado ao sítio escolhido, deparei-me com o que me pareceu serem condições porreiras, mar calmo mas com ondulação q.b, muito pouco vento e águas claras, não totalmente lusas, mas não estavam muito sujas nem tapadas, o que me deixou esperançado.

Passado uns lances, saiu este "carapau" que foi devolvido enquanto testava os X-Layer na cor moroko (cinzento azulado com umas pintas pretas, é manhoso Laughing ):



Decidi depois mudar de poiso e ir experimentar uma amostra novinha em folha, uma Sammy 115 na cor Aurora Mackerel (cavala) numa zona que parecia fazer uns correntes malucas nuns cabeços de pedra submersos enquanto a maré vazava, e lanço...
Começo a recolher a tentar fazer um "walk the dog" meio à desenrasca, quando de repente PPPPUMMMM!!! A água simplesmente explodiu debaixo da amostra, fiquei parado, demorei alguns segundos a inteirar-me que aquilo tinha sido um ataque à amostra de superfície (nunca tinha tido um de um peixe decente,apenas agulhas e mini-robalos) e não me mexi, a amostra ficou parada....já com o coração a 100 à hora dei-lhe mais um toque...só mais um zig-zag...e parei, mais uma vez de repente PUUUUMMMM!!!! Mais um splash repentino! Mas desta vez o bicho acertou em cheio na amostra, e a luta começou, o drag até tava bem afinado e siga pa bingo, o gajo dava umas cabeçadas bem valentes e leva-me alguma linha, eu aguentava e quando ele sossegava recolhia, deixava que fosse a acção da cana a cansa-lo e não tentei reboca-lo, pois isso podia fazer com se desferra-se ou algo se partisse, mas por umas 3 vezes tive que forçar um pouco o material porque o bicho mandava-se com uma fé do caraças mesmo para o meio das rochas e se para lá entra-se o mais certo era a linha ir ao ar, passado o que eu acho que foram uns 3 ou 4 minutos lá o consigo encostar à pedra donde estava a pescar, quando me inteirei do tamanho do robalo até me passei!!! Porra que este era grande! Sem dúvida o maior que já tinha apanhado! Tinha o lombo escuro, próprio daqueles bichos que andam muito tempo no meio das pedras, este já era velho...6 kg talvez? A adrenalina circulava a uma velocidade estonteante, tava quase, tava quase a conseguir encalhar o bicharro numa poça..."Esta amostra já tá paga!" Pensei eu...até que, o bicho deu uma cabeçada suave (já tava com a boca aberta e à tona de água...) o impossível aconteceu....apenas vi a linha a sair fora de água e a baloiçar ao sabor do vento...e a alguns metros de mim aquele belo robalo à tona de água...com a amostra cravada na beiça...até que o gajo lá se orientou, deu uma safanada com o cauda e mergulhou...ele a amostra...recolhi a linha e depois apercebi-me do que tinha acontecido, o clip tinha aberto!!!!! Aberto! Sem razão aparente (deve ter tido alguma, agora qual, era um clip novinho em folha...daqueles que sempre usei e que nunca me tinham falhado!)

Caiu-me tudo, disparei uma série de asneiras, barafustei, uma explosão termonuclear de frustração!!! AH c********! Quase!!!!!!!!

Sentei-me, lavei a cara com água duma poça...respirei fundo e sorri, o filha da **** ganhou pensei eu, ora esta...bem, perdi o maior peixe que engatei até hoje e ainda tive o prejuízo da amostra, ó que car****! E dei comigo a rir-me sozinho, quanto pesaria aquele gajo? 6 kg? Talvez 7? Nunca saberei...
Acho que a pesca é mesmo assim, e se não fosse, nós não gostariamos tanto dela.
Mas bem, continuei a pescar, mandei uma Flashminnow para o sítio onde o outro bicharro tinha atacado e ferrei um cachaço com cerca de 1 kg e picos, quando já o tinha à tona de água um outro robalo mais ou menos do mesmo tamanho aparece literalmente do nada e joga-se à amostra que estava na boca do outro! Mas não ficou preso.
"Isto hoje tá tudo maluco" pensei eu.
Tirei o peixe, e mudei de amostra, voltei aos X-Layer, e apanhei mais 2 cachaços, um com cerca de kilo, e outro mais pequeno que soltei.






(Não tirei foto ao maior Lol, este foi libertado)

Com a maré já a subir decidi mudar de poiso...

Já noutro local mando outra sticada com o X-Layer, trauuu, algo se cravou no vinil, mas este toque não é robalo pensei eu, e não era mesmo, e lá saiu esta baila.



Acabei por dar a pesca por terminada, já me tinha divertido bastante e o vento estava a levantar, para além disso o meu Daiwa foi obrigado a fazer de submarino e tava a dar sinais de quem tem água salgada onde não deve, e lá peguei em mim e fui-me embora.

Foi uma manhã 5 estrelas, e é assim, umas vezes ganhamos nós, outras vezes ganham eles, e outras vezes assim assim, acho que hoje fui um desses dias, mas não me importava nada de ter mais dias destes (dava jeito era que as amostras fossem mais baratas... Laughing Laughing Laughing )

Um abraço a todos e bons peixes!

Até ao próximo lance!

7 comentários:

Sergio disse...

Cagao... eu e que me devia ter baldado e ir la ter contigo rebentar dois ou tres robalos de 5Kg...


Parabens pela pesca ;)

MR disse...

à que aproveitar, quando eles querem, pena é o grande, merda do clip.

bom relato, parabens

Ricardo Leonardo disse...

Bolas.. "rásparta" ao clip.
Os speedclip já fizeram algumas partidas.
Cumprimentos,
Bons Robalos!
Ricardo Leonardo

Robalos ao spinning disse...

Excelente relato de jornada, parabens pelo blog e pela contribuição que tens dado a esta modalidade com todos os artigos postados. Já agora dá uma olhadela ao nosso blog visto que nos iniciamos nestas lides. abraço e boas capturas.

Paulo Machado disse...

Gostei.
Parabéns pelo relato e pela pesca.
Boas Pescarias ;).

tpsk disse...

Que bueno, enhorabuena por el relato y por la estupenda jornada de pesca.
Os clips ... robalo grande manda, mínimo fallo ... no robalo, otra vez será.

Un cordial saludo

gouveia disse...

Excelente relato e melhor Blog,

Muitos parabens, esta excelente, tb tenho insistido nos vinis mas ainda não experimentei os X-Layer.

Quantas gramas tem o cabeçote, 7gr?

Parabens,

Gouveia.